Apodi RN

Loading...

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

SAIBA MAIS SOBRE AS SECAS NO NORDESTE




As maiores secas da história

1877
Calcula-se que 500 mil pessoas morreram nesse ano por causa da seca. O Estado mais atingido foi Ceará. O imperador dom Pedro II foi ao Nordeste e prometeu vender "até a última jóia da Coroa" para amenizar o sofrimento dos súditos da região. Não vendeu.
1915
A intensidade da estiagem levou o governo a reestruturar o Instituto de Obras Contra as Secas (Iocs), que passou a construir açudes de grande porte. Até então, o Iocs se concentrava em perfuração de poços, confecção de mapas e abertura de estradas.
1934/36
Considerada a maior seca de todos os tempos até o início dos anos 80. A estiagem se estendeu pelos nove Estados nordestinos e chegou a Minas Gerais. A partir dela as secas do sertão do Nordeste passaram a ser encaradas como flagelos nacionais.
1979/85
A mais longa e avassaladora seca deste século foi marcada por uma onda de saques que chegou ao auge em 1981. Diante da situação, o presidente João Figueiredo declarou que só restava rezar para chover. Não deu certo. A seca e o governo acabaram juntos.
1997/99
Os sinais mais graves da estiagem começaram a ser sentidos em outubro do ano passado. Desta vez, um fenômeno social tornou-se marcante na briga para resistir ao flagelo ambiental: os saques em mercados, feiras e prefeituras das cidades sertanejas.
2001
O Rio São Francisco agonizou com a maior seca da sua história. Somado ao assoreamento, a seca reduziu drasticamente o volume de suas águas. A barragem de Sobradinho, a mais importante da região NE, atingiu os níveis mais baixos de sua história. A água no local em 1º de novembro de 2001 estava a 6,3% da capacidade, que é de 34 bilhões de metros cúbicos.


O drama sertanejo atiçou a criatividade de escritores e cineastas

A fome que mata nas secas do Nordeste alimenta a arte. Aos 20 anos de idade, a cearense Rachel de Queiroz escreveu o clássico O Quinze. Falava de uma seca da qual não se lembra, a de 1915, quando ainda não completara 5 anos. Retomou um tema tratado antes por Domingos Olimpio em Luzia Homem. Deu-lhe uma dimensão social pouco explorada pela vertente naturalista que prevaleceu na literatura brasileira no início do século. "Quis fazer uma seca light: menos defunto, carcaça de boi, urubus", disse a escritora em 1991.

Em 1938, recém-saído da prisão do Estado Novo, o alagoano Graciliano Ramos publicou a obra-prima Vidas Secas. Mirando-se nesse livro, o paulista Cândido Portinari deu feições à saga do retirante Fabiano e da cadela Baleia. Vidas Secas também forneceu a Nelson Pereira dos Santos o argumento de seu primeiro grande filme. Pereira dos Santos foi precursor do Cinema Novo, movimento que nasceu com o baiano Glauber Rocha. A seca foi um freqüente cenário de Glauber. Na poesia, a seca ganhou seu espelho mais fiel nos versos ásperos do pernambucano João Cabral de Melo Neto.

Na Morte Dos Rios

Desde que no Alto Sertão um rio seca,/
o homem ocupa logo
a múmia esgotada:/
com bocas de homem, para beber as poças/
que o rio esquece,
e até a mínima água

João Cabral de Melo Neto

Origem: Revista Época



sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

FOTOS DE ALGUNS ARTEFATOS LÍTICOS ENCONTRADOS EM VÁRIOS LOCAIS DO BRASIL E DO MUNDO

 Eis algumas fotos dos muitos ARTEFATOS, e também, das muitas FERRAMENTAS  e ARMAS de PEDRA POLIDA e PEDRA LASCADA que outrora foram "fabricados" e "utilizados"pelos antigos habitantes do BRASIL,  e também, em outras partes do mundo.                                                                               
http://www.ancomarcio.com/site/scripts/foto.php?id_foto=21571
Estes artefatos de PEDRA POLIDA e de PEDRA LASCADA,  foram confeccionados há centenas e também, há milhares de anos atrás, por povos primitivos ( ancestrais dos índios atuais ).
Objetos - paleolítico
Furadores, Facas, Pontas de Flecha e de Lança, Contas de Colar, etc
http://www.overmundo.com.br/uploads/agenda/img/1178552636_001.jpg
Mão-de-pilão e Pilão de PEDRA POLIDA
                                                                         
 As principais rochas utilizados para a "confecção" dos artefatos de PEDRA POLIDA e LASCADA foram:

Machadinhas em pedra polida, para usos diversos; ao centro, a ritualística semi-lunar

GRANITO, RIOLITO, BASALTO, GRANODIORITO, FELDSPATO, ARENITO SILICIFICADO  QUARTZO, QUARTZO HIALINO, CALCEDÔNIA, SÍLEX, AMAZONITA, OBSIDIANA,Etc.

     De acordo com às minhas observações estes tipos de rochas acima citados, foram utilizados principalmente na fabricação de:

. MACHADOS, MÃOS-DE-PILÃO, BATEDORES, MÓS, PILÕES, ENXÓS, PONTAS DE FLECHA e de LANÇA, PINGENTES, CONTAS DE COLAR, RASPADORES, FURADORES, BURIL, LESMAS, ALISADORES, BOLEADEIRAS, BALAS DE FUNDA, ETC.

Uma variedade de instrumentos de pedra polida e lascada                                                                                                               http://t2.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTOkcAOOyHdqJFp8X4a0_mpzi5Li2OJqW2gTLNfycMT-8nwAeYiFQ
Prato de Pedra Polida

COLEÇÃO DE ARTEFATOS LÍTICOS ( Tecnologia Lítica )

Esta coleção de Artefatos Líticos (abaixo) encontra-se no município de Carnaúba dos Dantas, e pertence a um morador local.
A mesma é composta por vários tipos de artefatos de "pedra polida" e de "seixos utilizados" ( Machados, Mãos-de-pilão, Mós, Batedores, etc ) . Tais "Artefatos",  foram  utilizados  por povos primitivos ( ancestrais dos índios atuais ) que habitaram Carnaúba dos Dantas e cercanias há pelo menos 10 000 anos AP ( Antes do Presente ).



                                                                                   
Obs. A coleção é composta por ARTEFATOS DE PEDRA POLIDA e de SEIXOS UTILIZADOS. Com exceção de "duas" peças, o restante foi todo encontrado no município de Carnaúba dos Dantas.


FONTE: Dean Carvalho
FOTOS: Getúlio Moura
FONTE, FOTOS e TEXTO : Dean Carvalho
FONTE e FOTOS: Raimundo Primeiro/Carloto Júnior/Wikipédia/Portal do Professor

Extraído do blog: EXPLORADORES DO SERTÃO

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

O ALFAIATE DE HITLER



 Vocês sabiam?

Chamava-se Hugo; alemão, beirava os 40 anos quando fundou em Metzingen, a cidadezinha onde nascera, pequena loja de confecções.Seis anos depois abriu falência. Desesperado, em 1931 ingressou no Partido Nazista – e aí sua vida mudou para melhor.
Fornecedor exclusivo dos uniformes negros das SS (Schutzstaffel), da Juventude Hitlerista e de outras agremiações nazistas ( sempre muito preocupadas com a elegância), ganhou milhões entre 1934 e 1945, e, para dar conta das encomendas, a solução foi apelar para a mão de obra – compreensivelmente baratíssima – dos prisioneiros de guerra.

Após a derrota do III Reich, foi levado aos tribunais mas pegou penas brandas, condenado a indenizar as famílias dos trabalhadores forçados.

Ah, quase me esquecia: o nome completo do homem era Hugo Boss. E os negócios vão muito bem, obrigado.

"Costureiro preferido" de Hitler, Ferdinand Hugo Boss vestiu o Partido Nazista com camisas escuras desde 1924. Após a crise de 1929, ele mesmo entrou para o partido, e não foi apenas para fornecer uniformes para a Wehrmacht e a SS.

Hugo Boss não era "claramente hostil aos nazistas", e aderiu à política do partido, indica o estudo realizado por um historiador  e  publicado recentemente. Mas ele está longe de ser o principal fornecedor de uniformes do regime.

Para costurar o passado, a fabricante de prête-à-porter apresentou "suas profundas desculpas" por ter empregado 140 trabalhadores forçados, a maioria mulheres e 40 prisioneiros de guerra franceses.

A maioria das empresas alemãs recorreu ao trabalho forçado durante o nazismo. No total, 6.500 delas contribuíram com o financiamento da Fundação Memória, Responsabilidade e Futuro (EVZ), que pagou 4,4 bilhões de euros em indenizações para mais de 1,6 milhões antigos trabalhadores forçados ou seus herdeiros.

domingo, 2 de dezembro de 2012

Os cartazes das 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014‏


E depois de escolher o nome da bola da copa 2014Brazuca e o nome do mascote:Fuleco, agora a FIFA divulgou os posters das 12 cidades-sede da Copa. Confira:

comunicadores cartazes copa brasil 2014 3 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014

No pôster da capital de Mato Grosso, o tuiuiú, ave símbolo do Pantanal, é um dos destaques. O futebol é representado pela bola nos pés do jogador. A vibração das pessoas com o evento, em especial da torcida pantaneira, é traduzida no movimento da bola e as formas que a cercam. O mapa do estado no centro da bola mostra que Cuiabá está preparada para receber o maior evento de sua história. A cidade receberá quatro partidas da Copa do Mundo da FIFA 2014. 

comunicadores cartazes copa brasil 2014 8 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
- Duas araras vermelhas pousadas sobre uma trave de futebol resumem a relação que o pôster de Manaus para a Copa buscou: mostrar que, no coração da maior floresta tropical do mundo, somos todos torcedores por natureza. A capital amazonense receberá quatro jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 7 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
- A Igreja de São Francisco de Assis, que integra o conjunto da Pampulha, aparece em destaque no desenho da capital mineira. No pôster, as imagens que decoram o exterior da Igreja ganham vida e se unem em sobreposições formando os pentágonos da bola. Belo Horizonte receberá três partidas da Copa das Confederações, incluindo uma das semifinais, e seis jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 6 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
- O Elevador Lacerda transformado em trave de futebol e uma bola estufando a rede que o envolve aparecem em destaque no pôster de Salvador. Do alto das torres do primeiro elevador público do mundo é possível avistar outros diversos pontos turísticos da cidade, oferecendo, como pano de fundo, a vista espetacular da Baía de Todos-os-Santos. Esse imponente cartão postal é também um atalho que liga a cidade baixa, litorânea e histórica, à moderna e crescente cidade alta. Salvador receberá três partidas da Copa das Confederações e seis da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 5 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
-O caráter cosmopolita e múltiplo de São Paulo é destacado no pôster da capital paulista. A imagem reflete uma metrópole onde milhares de pessoas vivem, se emocionam, comemoram e respiram futebol. O futebol está no sangue da cidade, nas ruas, no mar de edifícios, no ar. A cidade receberá seis jogos do Mundial de 2014, incluindo a partida de abertura, com o Brasil em campo.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 4 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
-Uma bola que sai como se fosse lançada a partir do Castelão é a imagem da capital cearense para a Copa do Mundo de 2014. A bola carrega os principais símbolos da cidade. As texturas utilizadas e os traços do desenho remetem a uma cidade moderna que não esquece suas tradições. Fortaleza receberá três partidas da Copa das Confederações de 2013, incluindo uma das semifinais, e seis jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 2 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
-Um atleta chutando a bola e a imagem da Usina do Gasômetro representam, no pôster de Porto Alegre, a grandeza do evento e o legado deixado por ele, como a riqueza cultural, desenvolvimento tecnológico, estrutural e riqueza econômica, representados também pelas faixas coloridas. As pessoas que aparecem no cartaz vibrando representam a paixão do porto-alegrense pelo futebol. A capital gaúcha receberá cinco partidas da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 1 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
-A Araucária, símbolo de Curitiba e do Paraná, é onipresente na imagem de Curitiba. Ao todo, 34.949 pessoas participaram da escolha do pôster oficial, por meio de votação pelo site da Prefeitura. No plano das conotações, o pinheiro adulto se ergue para o infinito, feito taça de luz. É como se Curitiba fizesse um brinde ao futebol. A cidade receberá quatro jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 12 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
-A imagem faz uma estilização da Catedral, uma das obras que simbolizam a cidade e um ícone arquitetônico mundial. As cores do jogador chutando a bola reforçam as múltiplas etnias que compõem a sociedade brasileira e remontam à presença dos cinco continentes na Copa. O amarelo no lado direito da imagem simboliza o sol nascente sempre a leste. Brasília receberá, no Estádio Nacional Mané Garrincha, a partida de abertura da Copa das Confederações e sete jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 11 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
-O verde das matas. O amarelo das areias escaldantes. O azul do mar. Localizada na esquina da América do Sul, Natal se mostra no pôster de braços abertos para o evento. No corpo do torcedor de braços abertos é possível ver o Morro do Careca, na Praia de Ponta Negra, uma das marcas da capital potiguar. Natal receberá quatro partidas da Copa do Mundo da FIFA 2014.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 10 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
- O pôster do Rio de Janeiro, criado a partir de concurso nacional, representa a essência do carioca, “que se move no ritmo do mar e com a energia da natureza que o cerca e do calor do sol”. A imagem foi criada pelos designers Julia Gostkorzewicz e Eduardo Leichner. A silhueta e a bola em um gesto descontraído formam um coração que está no centro de várias camadas expressando o amor do carioca pelo futebol. Cada camada representa um aspecto do Rio: a praia, a montanha, o Pão de Açúcar, o mar e o céu. O Rio receberá três partidas da Copa das Confederações e sete do Mundial de 2014, incluindo as duas finais.
comunicadores cartazes copa brasil 2014 9 610x867 impressos ilustracao design comunicacao brasil  copa cidades sede cartazes Brasil 2014
- O pôster de Recife é repleto de movimento e cores e remete ao frevo, manifestação cultural típica do estado. Com uma sombrinha na mão, o passista realiza movimentos ágeis e leves, como as acrobacias dos jogadores, que fazem com a bola o mundo “ferver”. Recife receberá três jogos da Copa das Confederações e cinco partidas da Copa do Mundo da FIFA 2014.
Por: www.glaucialima.com 

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

A SAGA INDÍGENA II - INSCRIÇÕES RUPESTRES

Caubí Torres na oficina de inclusão digital em Porto Alegre RS


O professor Caubí Torres, participa da 11ª Oficina para Inclusão Digital e Participação Social, que acontece de 27 a 29 de novembro de 2012, no Ritter Hotel, em Porto Alegre RS.

A Oficina para Inclusão Digital e Participação Social é um evento que acontece desde 2001, inicialmente organizado pelo Governo Federal e hoje contando com a coordenação do movimento social organizado, que busca reunir tanto agentes públicos quanto a população atuante em espaços que oferecem o acesso às tecnologias da informação, para o debate da configuração atual e de novas propostas para a política de inclusão digital no país.

Veja fotos


 Caubí Torres, na rodoviária, em frente ao hotel do evento.


 Caubí Torres, de Apodi e Celso Ricardo, responsável pela inclusão digital de Macaíba RN.
 Debate Garantia de direitos: direito a memória, direito a comunicação.

Caubí Torres
Projeto de Acompanhamento a Gestão dos Territórios Rurais MDA/CNPq/UERN/UFERSA
(84) 8145-3776 (vivo)
(84) 9660-7676 (tim)
(84) 9103-6855 (claro)

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

ABAIXO ASSINADO PELO FIM DO VOTO OBRIGATÓRIO VAMOS ASSINAR E COMPARTILHAR



Estamos nessa luta, é inadmissível que um país democrático continue com um absurdo desses, o povo deixou recado nas urnas, o número alto de abstenções foi bem claro, é preciso mudança, muitos Brasileiros perderam a vontade e o estímulo, muito embora, mesmo sendo facultativo não podemos deixar de exercer a livre cidadania e direito do voto, somo-me ao grupo no Facebook e convido-lhe para fazer parte Voto Facultativo onde estamos juntos propondo idéias aos nossos parlamentares, como o Senador Álvaro Dias que apóia essa ideia.

O Voto Obrigatório confunde-se como uma forma de encurralar o eleitor e está a serviço dos que não querem mudança, que estão no congresso faz décadas e é preciso mudar. Para isso, convido-lhe, blogueiros, leitores no Facebook para assinar e compartilhar o abaixo assinado pelo fim do VOTO OBRIGATÓRIO Petição CONTRA O VOTO OBRIGATÓRIO Compartilhe, por favor. 


Via SENADO FEDERAL: PETIÇÃO SENADO

Do Blog do Toinho.


quarta-feira, 14 de novembro de 2012

14 DE NOVEMBRO DIA DA LAGOA DO APODI - RN


Toda a beleza mostrada neste vídeo, é da Lagoa do Apodi-RN. 
E está sendo comprometida devido a poluição.


ESPERAMOS ALGO MAIS NOS ANOS VINDOUROS EM 
PROL DA PRESERVAÇÃO DO NOSSO CARTÃO POSTAL

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

DESCENDENTES DO ALFERES DOMINGOS JOÃO CAMPOS (TETRAVÔ DO PRESIDENTE CAFÉ FILHO) EM APODI. (I).


Divulgação
Presidente do Brasil - de 24/8/1954 a 8/11/1955

João Fernandes Campos Café Filho

   Afirmam  renomados  historiadores,  que  a  genealogia  constitui  um  manancial  de  datas e  nomes  que  guardam  intrínsecos  liames  com fatos  históricos   que  precisam  ser  perfilados  e  elencados pelos  incansáveis  e  abnegados  pesquisadores  e  genealogistas.  Nesse  contexto, os  vetustos  troncos  familiares  da  Ribeira  do  Apodi  assumem  veemência  irrefutável  no  arcabouço  das  árvores genealógicas  vinculadas  às  primeiras  autoridades  da  então  Capitania  do  Rio  Grande.  DOMINGOS  nasceu  no  ano  de  1714, na  Freguesia  de  N. Sra. do  Rosário  do  Campos, Bispado  de  Viseu, em  Portugal, filho  legítimo de  Phelipe  Francisco  e  de  Izabel  Fernandes.  Faleceu no ano de 1795.
                  Na  maioria  dos fatos  históricos,  a  área  territorial  da  Ribeira  do  Apodi  sobressai-se  como  palco de  efervescentes  acontecimentos, a  começar  pelo  levante  indígena  dos  Tapuias  Paiacus,da  nação  Tarairiús,  conhecido como  "A  GUERRA  DOS  BÁRBAROS", no  período  compreendido  entre o  ano  de  1698  a  1720.  Feitas  essas  digressões, oriundas  dos  anais  históricos, reportemo-nos  ao  protagonista-mór  deste  despretensioso  artigo.  Domingos  atuou  como  o  principal  Ajudante  no  cansativo  trabalho de  medição e  demarcação  das  "Datas  de  Sesmarias""  da  região de  Apodi.  Em   21  de  Abril de  1740  encontrava-se  em  Apodi  medindo  e  demarcando  a  famosa  "DATA  DO BOQUEIRÃO", no  tamanho  antigo de  três  léguas  de  comprido  por  uma  de  largo. Essa  "Data  de  Sesmaria"  principia  no  sítio  "Passagem  Funda"  e  termina  nas  ilhargas  das  "Datas  de  Santa  Cruz"  e  de  "Santa  Rosa".  Nesta  labuta, é possível  que  DOMINGOS  JOÃO  tenha  concretizado  algum  relacionamento  amoroso  com uma  índia  Tapuia  Paiacus.  Observe-se  que  só vem  a  casar  aos  31  anos  de  idade,  em  24.11.1745.  Ainda  hoje  é  comum  ouvir-se  pessoas de  idade  longeva (80-90 anos)  afirmar  que  a  bisavó  era  índia, e  que  fora " pega  à  casco  de  cavalo  e  a  dentes de  cachorros", em  clara  alusão à  fatos  reais  ocorridos  durante  o  combate à  indiada  hostil, no  período compreendido   entre o ano de  1698  a  1720.  O  certo  é  que  os  indômitos  ÍNDIOS  DO APODI  foram  objeto de  toda  sorte  de  tropelias.  Em um dos livros de  assento de  batismo  da  Igreja-Matriz  de  N. Sra. da  Apresentação  encontramos  vários assentos  de  batismos  de  crianças  índias  tapuias  paiacus, com  idade  entre  04  e  05  anos, cujos  assentos  constam  que  não se  sabe  os  nomes dos  pais  porque  foram  pegas  na  guerra.  Encontramos, ainda, a  índia  tapuia paiacus  Suzana, batizada  em  1692, com a  idade  de  25  anos, e  que  era  escrava  do  Sargento-Mór  MANOEL DA  SILVA  VIEIRA, que  participou  do  combate  aos   Tapuias  Paiacus  na  margem  da  lagoa do  Apodi  em  1692, daí constar no assento que a  mesma  foi pega  na guerra.
               Uma  filha  do  Sargento-Mór  Manoel da  Silva  Vieira, de  nome  ANTONIA  MARIA DA  CONCEIÇÃO  casou  com  JOSÉ  FERNANDES  CAMPOS,  filho de  Domingos  João  Campos e  de  Rosa  Maria de  Mendonça.  Antonia  e  José  foram pais  de  JOSÉ  FERNANDES CAMPOS (0  2º), nascido  a  15 de  Agosto de  1775,   batizado  que  teve  como  padrinhos  Salvador  Maria da  Trindade  e  Ana  Maria do  E. Santo.  JOSÉ  (0  2º)  casou  com  JOANA GOMES  DE  JESUS,  tendo  fixado  residência  no  feudo  territorial  dos  FERNANDES CAMPOS, denominado  de  sítio  "Lagoa  Redonda", encravado  na  3ª  légua da  "Data  do  Boqueirão", medida por  Domingos  em  21.04.1740. Essa  tradicional  e  humilde  família  Apodiense  é  popularmente  conhecida  como  sendo  a  família  dos  "FONOM".   
               JOSÉ  FERNANDES CAMPOS (0  2º)  nascido em Natal,  faleceu  no seu sítio  "Lagoa  Redonda" (Apodi)  no ano de  1848, deixando a  viúva  JOANA  GOMES DE  JESUS  e  os  filhos:
             F.01- JOSEFA  MARIA DA PENHA - Casou com Manuel  de  Paiva  Ferreira.  Residiam  em  Portalegre-RN.
             F.02- LUCIANO  GOMES  DE  MELO - Em  1848  já era  viúvo de  Senhorinha de  Lima.
             F.03- FRANCISCO  FERNANDES  CAMPOS -  Casado  com  Joana  Batista de  Lima.
             F.04- JOÃO FERNANDES  CASADO.
             F.05- ROSA  MARIA. (É  a  mesma  Rosália da  Encarnação).
             F.06- MANOEL  FERNANDES  CAMPOS - Casado  com  Josefa  Maria da  Conceição, filha de  José  Pessoa  e de  Thereza  Pessoa.
             F.07- ANTONIO  FERNANDES  CASADO.
             F.08- NICOLAU GOMES  DE  MELO.
             F.09- ISABEL  MARIA  DA  CONCEIÇÃO.

Texto: Marcos Pinto. / Foto: UOL Educação.

       OBSERVAÇÃO:  Quem  interessar  saber  a descendência  destes  09  bisnetos  de  DOMINGOS  JOÃO  CAMPOS,  pode  solicitar  através  do E-mail:  marcospinto.52@hotmail.com , ou deixe um comentário na postagem.

CARROS QUÊ VOCÊ NÃO VERÁ MAIS